Análise: Harvest Moon Back to Nature (PS1) – Colhendo os frutos

Por Junior Amarante

Plantar, cuidar dos animais e construir uma familia. A vida no campo é muito mais divertida com Harvest Moon Back to Nature.

A herança

Harvest Moon Back to Nature foi lançado em 1999 pela Natsume em conjunto com a Marvelous Entertainment para PS1, e é o quinto jogo da série, que atualmente já possui mais de dez títulos diferentes — e sem dúvidas é o jogo mais apreciado pelos fãs entre todos os outros títulos ,anteriores ou sucessores.

Uma curiosidade sobre o jogo é que existe uma versão, onde a protagonista é uma mulher, que conta com um enredo um pouco diferente da versão masculina.

Ao contrário de jogos de ação, aqui você vai ter uma rotina diária, horas e horas de trabalho duro, cultivar diversos tipos de plantas, dar comida para as galinhas, tirar leite das vacas, cuidar do cavalo, do seu cachorro e muito mais, Harvest Moon Back to Nature é um simulador de vida e RPG, o que o torna menos massante e mais atraente.

Trabalho e mais trabalho

A história é bem simples, quando criança você faz uma visita a fazenda de seu avô, durante esse tempo conhece uma garota — que será misteriosa até que você termine o jogo. Dez anos depois, você recebe essa fazenda como herança, porém toda devastada e sem vida, e para que você possa ficar com ela, o prefeito da cidade te dará três anos para que você tenha tempo suficiente de restabelecer a fazenda, até que ela fique como era na época do seu avô.

Durante o jogo tudo se baseia em trabalho e amizade, sair e conhecer os cidadãos de “Mineral Town”, bater papo, visitas frequentes, farão com que algumas cutscene rolem automaticamente.

Acabaram as férias

Os anos se resumem a quatro meses, sendo que cada mês é uma estação: primavera, verão, outono e inverno. Cada mês possui vegetação própria, isso influenciará toda a sua plantação. Se organizar de uma forma que te prepare para a próxima estação é muito importante para que a plantação não seja perdida.

Aqui você terá muita liberdade, podendo simplesmente passar o dia descansando na piscina natural, visitando os aldeões, fazendo compras, ou procrastinar de várias outras formas. Contudo, para que você possa ficar com a fazenda, é bom trabalhar, pois irá precisar ganhar muito dinheiro para progredir no jogo. Mas não trabalhe em excesso e nem até muito tarde, você pode acabar desmaiando de cansaço (e o médico da cidade cobra caro pelos serviços).

Plantar, regar, colher e alimentar os animais pode ser cansativo depois de tantas vezes fazendo a mesma coisa, mas existem várias formas de sair da mesmice; basta arrumar uma brecha no seu calendário atarefado ou acompanhar o canal de previsão do tempo, para aproveitar um dia de chuva.

Otimizar seus lucros com a mineração ou a pesca, é sempre uma forma de sair da rotina, ganhar dinheiro e evoluir seus itens. Você pode simplesmente contratar o Chef, Nappy, Timid, Hoggy, Staid, Bold e Aqua, os Duendes da cidade, que em troca de um bom presente farão o seu trabalho, enquanto você faz outras coisas. 

A vizinhança

Os personagens que você será apresentado ao decorrer do jogo, possuem uma personalidade própria, de acordo com o nível de amizade que você tem com cada um deles — é possível subir esse nível com presentes e muita conversa.

Ao atingir certo nível de amizade com algumas das garotas solteiras e fazer algumas reformas em sua casa, como cozinha e quarto, você poderá se casar e ter um filho.

Os eventos são tão divertidos quanto o próprio jogo, corrida de cachorros, corrida de cavalos, competição de natação, guerra de tomates, danças, melhor comida da cidade e até rinha de galinha (mas fique tranquilo as galinhas não se machucam, elas nem se encostam na verdade, é pura gritaria). Festivais são uma importante forma de você socializar e conversar com seus amigos da cidade. O bar também é sempre uma opção.

O que o torna especial?

O mapa do jogo é bem simples, o que trás um tom de imersão, fazendo que com o tempo você conheça cada canto da cidade, o que facilita a movimentação, até mesmo para pegar o caminho mais curto de um lado para o outro.

Mesmo que pareça repetitivo e pacato, Harvest Moon Back to Nature tem muitos segredos e detalhes que você só vai descobrir com muita exploração (talvez você ouça algo sobre a “mina de inverno” ou a “Deusa da cachoeira”).

É extremamente atrativo para aqueles que buscam um jogo tranquilo e sem muita ação, que necessita de horas de dedicação, com personagens divertidos e um cenário bem colorido. Alguns dos diálogos são extensos, e o loading um pouco demorado, mas nada disso tira o brilho de um excelente jogo.

Harvest Moon Back to Nature foi disparado um dos melhores games que já joguei, e é com muito sucesso que alguns jogos mais recentes como Doraemon Story of Seasons e Stardew Valley vêm revitalizando de forma nostálgica esse jogo que possui uma comunidade imensa de fãs.

Revisão: Caroline Marques

Junior Amarante

Olá eu sou o Júnior, adoro café, jogos e filmes de terror .Tenho uma quedinha a mais por jogos co-op, gosto da interação e a proximidade que eles proporcionam. Desculpa! É que sou da época dos fliperamas, onde a proximidade era tanta que a disputa começava em quem colocava a ficha primeiro!

Parceiros CBG